Menu

Ana Carolina - Letras e Músicas

Ana Carolina

Rosas

Você pode me ver Do jeito que quiser Eu não vou fazer esforço Pra te contrariar De tantas mil maneiras Que eu posso ser Estou certa que uma delas Vai te agradar Porque eu sou feita pro amor Da cabeça aos pés E não faço outra coisa Do que me doar Se causei

Ana Carolina

Tanta Saudade

Era tanta saudade É, pra matar Eu fiquei até doente Eu fiquei até doente, menina Se eu ficar na saudade É, deixa estar Saudade mata a gente Saudade mata a gente, menina Quis saber o que é o desejo De onde ele vem Fui até o centro da terra E é mais

Ana Carolina

Garganta

Minha garganta estranha Quando não te vejo Me vem um desejo Doido de gritar Minha garganta arranha A tinta e os azulejos Do teu quarto, da cozinha Da sala de estar Minha garganta arranha A tinta e os azulejos Do teu quarto, da cozinha Da sala de estar Venho madrugada Perturbar teu sono Como um

Ana Carolina

Problemas

Essa música foi removida em razão de solicitação do(s) titular(es) da obra. O Letras.mus.br está trabalhando para obter o licenciamento desse conteúdo.

Ana Carolina

Uma Louca Tempestade

Eu quero uma lua plena Eu quero sentir a noite Eu quero olhar as luzes Que teus olhos Não me têm deixado ver Agora eu vou viver Eu quero sair de manhã Eu quero seguir a estrela Eu quero sentir o vento pela pele Um pensamento me fará Uma louca tempestade Eu

Ana Carolina

Outra Vez

Você foi o maior dos meus casos De todos os abraços o que eu nunca esqueci Você foi dos amores que eu tive O mais complicado e o mais simples pra mim. Você foi o melhor dos meus erros A mais estranha história que alguém já

Ana Carolina

Vai

Espera aí! Nem vem com essa história Eu nem quero ouvir Não dá pra te esquecer agora Como assim? 'Cê disse que me amava tanto ontem Eu juro que ouvi Calma aí! Que diabo você tá dizendo agora? Que onda é essa de outro lance pra viver? Você nem pode tá

Ana Carolina

Coração Selvagem

Meu bem Guarde uma frase pra mim Dentro da sua canção Esconda um beijo pra mim Sob as dobras do blusão Eu quero um gole de cerveja No seu copo, no seu colo e nesse bar Meu bem O meu lugar É onde você quer que ele seja Não quero o

Ana Carolina

Evidências

Quando eu digo que deixei de te amar É porque eu te amo Quando eu digo que não quero mais você É porque eu te quero Eu tenho medo de te dar meu coração E confessar que eu estou em tuas mãos Mas não posso imaginar O que

Ana Carolina

Só de Sacanagem

Meu coração está aos pulos! Quantas vezes minha esperança será posta à prova? Por quantas provas terá ela que passar? Tudo isso que está aí no ar: malas, cuecas que voam entupidas de dinheiro, do meu dinheiro, do nosso dinheiro que reservamos duramente pra

Ana Carolina

Dois Bicudos

Quando eu te vi andava tão desprevenido Que nem ouvi tocar o alarme de perigo E você foi me conquistando devagar Quando notei já não tinha como recuar E foi assim que nos juntamos distraídos Que no começo tudo é muito divertido Mas sempre tinha um amigo

Ana Carolina

Nada Pra Mim

Eu! Não vim aqui Pra entender ou explicar Nem pedir nada prá mim Não quero nada prá mim... Eu! Vim pelo que sei E pelo que sei Você gosta de mim É por isso que eu vim... Eu não quero cantar Pra ninguém a canção Que eu fiz pra você Que eu guardei pra

Ana Carolina

Eu Sei Que Vou Te Amar

Eu sei que vou te amar Por toda a minha vida eu vou te amar Em cada despedida eu vou te amar Desesperadamente eu sei que vou te amar E cada verso meu será pra te dizer Que eu sei que vou te amar por toda

Ana Carolina

Medley da Porta

Confesso acordei achando tudo indiferente Verdade acabei sentindo cada dia igual Quem sabe isso passa sendo eu tão inconstante Quem sabe o amor tenha chegado ao final Não vou dizer que tudo é banalidade Ainda há surpresas mas eu sempre quero mais É mesmo exagero ou vaidade Eu

Ana Carolina

Simplesmente Aconteceu

Simplesmente aconteceu Não tem mais você e eu No jardim dos sonhos No primeiro raio de luar Simplesmente amanheceu Tudo volta a ser só eu Nos espelhos Nas paredes de qualquer lugar Não tem segredo Não tenha medo de querer voltar A culpa é minha eu tenho vício de me machucar De