Menu

Guilherme & Santiago - Letras e Músicas

Guilherme & Santiago

Casa Amarela

E olha eu aqui, pela décima vez Tô passando na frente da casa amarela Se algum vizinho me denunciar, a culpa é dela De ex-namorado agora eu tô virando suspeito Olha o meu desespero Tô fazendo amizade com um vigilante pra me explicar Meu problema é amor,

Guilherme & Santiago

Que Dá Vontade, Dá!

Não faz essa cara de quem tá apaixonada Que me entrego pra você Nem dê aquele beijo que me arrepia inteiro Que me faz enlouquecer Não mostre esse corpo que me deixa quase louco E me incendeia de prazer E nem abra esse sorriso Que o resto de

Guilherme & Santiago

Pindaíba

Chegou sem avisar Entrou sem bater Me fez acreditar, que eu era tudo pra você Levou as suas coisas lá pra casa Quando vi não era dono mais de nada Nem do meu coração Nem se importou com o tamanho do estrago Só esperou vir a união estável Pra

Guilherme & Santiago

Foto 3×4

Um copo de cerveja, Debruçado sobre a mesa O copo era a minha companhia Garçom desce mais uma Um copo de espuma Eu vou beber até raiar o dia! Desculpe meu amigo, Se estou embriagado, Mas foi aqui que tudo começou. Aqui a conheci,nessa mesa eu a perdi E hoje choro

Guilherme & Santiago

Eu Te Amo Demais

Cada vez que eu te vejo Te desejo mais um pouco Não consigo me livrar Dessa paixão O teu jeito me facina Eu me pego quase louco Só você prá me tirar Da solidão... A lembrança do teu beijo O perfume do teu corpo A essência, a razão Do meu viver Sinto falta

Guilherme & Santiago

Som e Imagem

Uma estrela pode não brilhar E o sol não aparecer O inverno pode não passar E o verão desaparecer O meu coração pode parar Meu sorriso pode entristecer A saudade pode machucar Mas não deixo de amar você A saudade pode machucar Mas não deixo de amar você Seu amor é

Guilherme & Santiago

Jogado Na Rua

Não tá fácil ficar sem teu amor aqui Que saudade que dá Chego a ter dó de mim Meu amor é assim Bruto e sincero demais Sentimento sem fim Amo você, ninguém mais Me deixou assim Sombra na escuridão Arrancou de mim a paz O sorriso e a razão Uôu, uôu, uôu,

Guilherme & Santiago

Quem Ama Uma Vez Não Deixa de Amar

Perdoa a minha pressa, mas preciso te dizer Se receber este bilhete por um tempo não vai mais me ver Estou partindo agora e aonde eu vou você não pode ir Não chegou a sua hora, seja forte tente resistir Não dá pra me amar Já

Guilherme & Santiago

Amizade Sincera

A amizade sincera é um santo remédio, é um abrigo seguro É natural da amizade o abraço, um aperto de mão, um sorriso Por isso se for preciso conte comigo, amigo, disponha Lembre-se sempre que mesmo modesta, minha casa será sempre sua Amigo, Os verdadeiros amigos

Guilherme & Santiago

Tudo Tem Um Porquê

Pensando bem, não me arrependo do que fiz Tudo valeu, por um momento fui feliz Mas não faz mal, na vida tudo tem um porquê Deixei me levar por você, por você Foi de repente, você voltou Foi como um raio que já passou Foi como a

Guilherme & Santiago

Do Outro Lado da Cidade

Hoje vou voltar de madrugada Sei que ela vai brigar comigo Hoje meu astral não tá com nada Vou beber cerveja com os amigos Ela não tem culpa dos meus erros Ela não conhece meu passado Quando ela me abraça e me beija Meu coração está do outro

Guilherme & Santiago

Me Esqueça

Eu nem lembrava mais Da cor dos seus olhos Pra mim todos os beijos eram iguais Hoje eu voltei atrás Coração em pedaços Caí nos seus braços depressa demais Será que dessa vez você Veio pra ficar Se for apenas fingimento E me fazer chorar Então me esqueça Oh, oh, me esqueça Eu

Guilherme & Santiago

O Casado e o Solteiro

A vida de casado é boa? É boa! A vida de solteiro é boa? É boa! A de casado às vezes enjoa? Enjoa! E é aí Que o solteiro ri à toa A vida de casado é boa? É boa! A vida de solteiro é boa? É boa! A de casado às vezes

Guilherme & Santiago

E Pra Sempre Te Amar

Me lembro bem do dia a hora e o lugar Que eu fiquei ligado em você Me aventurei, mas não quis me arriscar Eu só pensei no prazer Logo depois vi que era tarde demais Pra tentar fugir de você Eu me envolvi não consegui disfarçar E o

Guilherme & Santiago

E Daí?

E daí se eu quiser farrear Tomar todas num bar Sair pra namorar O que é que tem? Foi você quem falou Que a paixão acabou Que eu me lembre Eu não sou de ninguém E daí que você me deixou Mais um dia passou E o mundo não parou Tô aqui Confesso

Guilherme & Santiago

As Mocinhas da Cidade

As mocinhas da cidade São bonita e dançam bem Dancei uma vez com uma moreninha Já fiquei querendo bem! Se o sol já vai entrando E a saudade vem atrás, Vou buscar aquela linda moreninha, Que é pra eu viver em paz Fui na casa da morena Pedir água pra

Guilherme & Santiago

Franguinho Na Panela

O recanto onde moro é uma linda passarela O carijó canta cedo, bem pertinho da janela Eu levanto quando bate o sininho da capela E lá vou eu pro roçado, tenho Deus de sentinela Têm dia que o meu almoço, é um pão com mortadela Mais

Guilherme & Santiago

Mete Sua Boca Na Minha

Mete sua boca na minha e me beija pra valer Cola seu corpo no meu e deixa eu te dar prazer Mete sua boca na minha e me beija pra valer Cola seu corpo no meu e deixa eu te dar prazer Quero sorrir da

Guilherme & Santiago

Meia-Noite e Meia

Sem noites de lua, sem rumo na rua Em busca de um bar pra tentar te esquecer Eu chego atrasado, tá tudo fechado Não tenho ninguém, nem lugar pra beber Eu volto pra casa de cabeça cheia Relógio marcando meia noite e meia Whisky sem gelo tá

Guilherme & Santiago

Alô, Meu Povo

Alô, meu povo, vai começar de novo É cavalo pulando, é touro rodando Na arquibancada a galera gritando Iêêêê ôôôô (bis) Quero o povo gritando isso Faz bem pra alma Sapateando e batendo palma Todo mundo alegre é festa do peão Aqui não tem lugar pra essa tal solidão Eu