Menu

Marília Mendonça - Letras e Músicas

Marília Mendonça

De Quem É a Culpa

Exagerado, sim Sou mais você que eu Sobrevivo de olhares E alguns abraços que me deu E o que vai ser de mim E o meu assunto que não muda? Minha cabeça não ajuda Loucura, tortura E que se dane a minha postura Se eu mudei, você não viu Eu só

Marília Mendonça

Como Faz Com Ela

Vai se preparando que eu não vou ter paciência Se acha que eu não sei o que aprontou na minha ausência Não vou deixar barato Não vou fingir que não vi Eu já fiquei sabendo De outras bocas por ai Do copo de cerveja, com delicadeza Ofereceu pra

Marília Mendonça

Amante Não Tem Lar

Só vim me desculpar Eu não vou demorar Não vou tentar ser sua amiga Pois sei que não dá Você vai me odiar Mas eu vim te contar Que faz um tempo Eu me meti no meio do seu lar Sua família é tão bonita Eu nunca tive isso na

Marília Mendonça

Saudade Do Meu Ex

Ai, o que é que eu fiz? Me enrolei Que saudade do meu ex Onde eu tava com a cabeça Quando eu fui me envolver Com essa pessoa tão sem graça Esse menino nada a ver É faculdade, academia, hora certa pra dormir Eu bebia todo dia, hoje

Marília Mendonça

Eu Sei de Cor

É Já tá ficando chato, né? A encheção de saco, pois é! Prepara, que eu já tô me preparando Enquanto cê tá indo, eu to voltando E todo esse caminho eu sei de cor Se eu não me engano, agora vai me deixar só O segundo passo é

Marília Mendonça

Essas Nossas Brigas

Tô sofrendo e tô fazendo você sofrer O que a gente tá vivendo não tem nada a ver É melhor cada um seguir o seu caminho Toda hora a gente briga sem explicação Não tem amor, não tem respeito, não tem paixão E por isso que

Marília Mendonça

Infiel

Isso não é uma disputa Eu não quero te provocar Descobri faz um ano e tô te procurando pra dizer Hoje a farsa vai acabar Hoje não tem hora de ir embora Hoje ele vai ficar No momento deve estar feliz e achando que ganhou Não perdi nada,

Marília Mendonça

O Que Falta Em Você Sou Eu

Falando em saudade De novo eu acordei pensando em você Já faz um mês que não te vejo Trinta dias que eu acordo pensando em você Não sei se você está bem Se está gostando de outro alguém O corte do cabelo tá do mesmo jeito Aparentemente tudo

Marília Mendonça

Mudou a Estação (part. Henrique e Juliano)

Eu me apaixonei por um alguém Que nunca quis amar ninguém Eu mesmo me fiz sua refém Me prendi Eu, que era livre para voar Cortei as minhas próprias asas Fiz de você a minha casa Fiquei aqui com você Eu fui sentindo o frio chegando E o seu perfume

Marília Mendonça

Sofrendo Por Três

Para de querer forçar a barra Foi você que abraçou outra madrugada Então não venha me jogar na cara Sua insônia não é mais problema meu Nosso amor nem nasceu e já morreu Não tente se explicar Se o Eu Te Amo saiu fácil da sua boca Do

Marília Mendonça

Perto De Você

E eu que já me acostumei tão bem É normal acordar todos os dias Pra cuidar de você Mas você não percebe E vive falando mal E mesmo sem saber Mas não consigo ir embora Mas a cada passo pra frente É o mesmo que dar dois pra trás Pra

Marília Mendonça

Até o Tempo Passa

Fiquei no sofá, esperando você Ainda bem que eu sentei Senão, além do coração, a perna ia doer Doeu Não fiquei com ninguém Primeiro porque quem se aproximou de mim Tava com dó do que você aprontou comigo Graças a Deus arranjei um monte de amigo Um monte de

Marília Mendonça

Alô Porteiro

Pegue suas coisas que estão aqui Nesse apartamento você não entra mais Olha o que me fez, você foi me trair Agora arrependido quer voltar atrás Já deu Cansei das suas mentiras mal contadas Cresci, não acredito mais em conto de fada Não adianta vir com baixaria Morreu A mulher

Marília Mendonça

Ei Saudade

Ei saudade Precisamos conversar Tão covarde Quando você vai passar? Tá pegando pesado comigo Todo dia é um novo motivo pra me judiar Para de judiar Se eu deito na cama, você tá do lado Se eu viro uma dose, cê bebe dobrado Garrafa acabou, o bar já fechou E você

Marília Mendonça

Traição Não Tem Perdão

A luz amarela do quarto Em que a gente dormiu Por dois anos e uns dias Me fez lembrar que eu sabia De fato o que era ser feliz Deslize ou vontade própria Eu tranquei a porta E abri a janela Pulei pra bem longe da felicidade E aí que

Marília Mendonça

A Gente Não Tá Junto

Ninguém me reconhece sem você No canto jogado Cheio de gente pra todo lado A música alta é ruim Conhecer gente nova eu não tô a fim Me perguntam o que aconteceu E se o culpado fui eu Aqui tomando todas só falta você Cadê que não atende o

Marília Mendonça

Impasse (part. Henrique e Juliano)

Eu só queria entender seus pensamentos E o que realmente ta rolando E o que te faz fugir de mim Te juro, estou tentando ler seus olhos Mas percebo que disfarça E não consegue me encarar Senta aqui um pouco, sem ter pressa Conta tudo, a hora é

Marília Mendonça

Folgado

Não venha não Eu vivo do jeito que eu quero Não pedi opinião Você chegou agora e, ta querendo mandar em mim Da minha vida cuido eu Deitou na minha cama E quer dormir com o travesseiro Folgado Não venha não Ta querendo pegar no pé Você nunca me deu a

Marília Mendonça

Se Ame Mais

Não aguento mais te ver sofrer Ela tá acabando com você Isso porque ela se acha na obrigação de te cobrar Um relacionamento que acabou já faz um tempo Ela não suporta a gente junto Aí ela desconta em todo mundo E não enxerga que é culpada Se

Marília Mendonça

Sentimento Louco

Só queria mais um pouco desse sentimento louco De acordar de madrugada pra fazer de novo E se isso for pecado, quem vai nos julgar? Quem nunca amou nunca vai entender Essa loucura que eu sinto por você Só sei que é bom demais, é bom